Constrangimentos ecológicos na adaptação social das crianças -
PRAXIS/PCSH/P/PSI/88/96 (From 1997 to 2000)

Research Team:

António Santos (Project Leader)
Manuela Veríssimo

Project's Summary:

Várias pesquisas sobre a ecologia das crianças em grupo de pares sugerem que a saúde mental dos jovens, o seu sucesso escolar e o seu equilíbrio psicossocial futuro, dependem, em grande parte, do seu grau de integração e implicação nos grupos de pertença que eles atravessam ao longo da sua história. Três grupos de crianças foram seguidos durante dois anos. As observações foram efectuadas segundo o procedimento de amostragem focal. Durante quatro dias por semana ao longo de um período de seis semanas, no Outono, no Inverno e na Primavera, cada criança foi filmada durante 8 minutos por dia. Desta forma os registos, forneceram em média 8 horas de observação por cada criança em cada ano. No decurso do primeiro ano, para alem da recolha de dados de observação directa, realizaram-se sessões de treino ao nível da descodificação dos comportamentos utilizando o Inventário de Acção Social elaborado por Strayer (1980a, 1980b. No inicio do segundo ano realizaram-se as entrevistas sociocognitivas, as quais permitem compreender o conhecimento que as crianças têm sobre acontecimentos sociais particulares, regras interactivas e estruturas sociais normativas. Todas as crianças participantes no estudo foram entrevistadas utilizando uma bateria de provas sócio cognitivas desenvolvidas para este estudo. Como complemento ao projecto realizamos também entrevistas sociométricas individuais a todas as crianças. O trabalho de análise comportou o exame dos dados obtidos através da observação das interacções sociais em Infantário. Consideramos as estruturas de grupo mais complexas incluindo as redes afiliativas com base em diversos índices comportamentais. Os dados foram examinados para analisar as mudanças em função da idade e do sexo. A diversidade dos modelos da compreensão social foi examinada em termos de co-variação entre as medidas da representação que as crianças possuem da estrutura do seu grupo social — i.é, o seu conhecimento dos acontecimentos sociais, das convenções sociais locais e dos papéis no interior do grupo.

« Back

UIPCDE – Unidade de Investigação em Psicologia Cognitiva, do Desenvolvimento e da Educação
Rua Jardim do Tabaco, 34 | 1149-041 Lisboa
Telefone: (+351) 21 881 17 00 | Fax: (+351) 21 886 09 54 | E-mail: uipcde@ispa.pt