Mestrados

Mestrado em Comportamento e Evolução
Universidade Lusófona

Nos últimos anos têm-se vindo a acumular a um ritmo crescente conhecimentos sobre as bases biológicas do comportamento humano, quer ao nível dos padrões de conduta habitual e dos mecanismos de processamento de informação, quer das alterações comportamentais e cognitivas do foro da saúde. Em paralelo, há avanços substanciais a registar na investigação da história evolutiva do comportamento, percepção, cognição e comunicação de animais não-humanos.

Uma compreensão do comportamentos humano e de outros animais integrada e com ênfase na sua dimensão evolutiva exige um fórum interdisciplinar entre ciências como a Etologia, a Psicologia experimental e comparativa, a Neurofisiologia e a Antropobiologia, esta última nas suas vertentes da Primatologia Social e Etologia Humana. Uma investigação adequada e eficaz do comportamento humano e animal requere também cada vez mais interdisciplinaridade das metodologias da Etologia e da Psicologia Experimental.

Este curso vem fazê-lo pela primeira vez em Portugal, enquadrando-se numa relativa escassa oferta Europeia de cursos afins como a Etologia e a Psicobiologia. Destina-se sobretudo aos profissionais que pretendem seguir uma carreira de investigação em Etologia, Psicologia Cognitiva e Antropologia Biológica, e/ou de intervenção, divulgação e educação em Saúde, Psicologia Clínica e Antropologia médica.

Mestrado em Etologia
Instituto Superior de Psicologia Aplicada

Este curso preenche uma lacuna importante do ensino da Etologia em Portugal. Os seus objectivos são os seguintes:

Promover a preparação teórica e técnica de licenciados em Biologia e ciências afins, dotando-os de instrumentos teóricos e metodológicos que lhes permitam encetar ou aprofundar actividades de investigação e/ou docência em Etologia. Neste sentido, o curso estará prioritariamente vocacionado para a formação de jovens assistentes do ensino superior ou membros de equipas de investigação, em especial os que trabalham nas áreas da Biologia Evolutiva, Ecologia, Ciências do Ambiente e Conservação da Natureza e Fisiologia Animal.

Complementarmente, procurar-se-á corresponder aos desejos da formação profissional de licenciados em Psicologia, Antropologia e outras Ciências Humanas, e também dos professores do Ensino Secundário, os quais, embora não trabalhando em domínios da Etologia estritamente biológica, vêem nesta disciplina um instrumento útil e complementar da sua formação académica de base.

Na concepção deste Mestrado procurou-se articular a formação teórica com uma forte componente prática de trabalho laboratorial e no campo, susceptível de proporcionar uma formação sólida no domínio da experimentação e planificação do trabalho científico.